Publicação em destaque

limonada de framboesas

Com o tempo, finalmente, a querer aquecer, nada como uma fresca limonada de framboesas. As framboesas são ricas em vitamina A, ácido fólico...

sábado, 30 de novembro de 2013

Novembro de 2013 | Tudo em Novembro guardado; em casa ou arrecadado.

E eis que chegamos ao final de Novembro com 24 publicações (só?).





Wordle: Telita Wordle Nov13


mousse de oreo
♠ barras de cereais com maçã e canela
♠ bolo de vinho do Porto e canela
♠ bolo de iogurte com ganache de chocolate
♠ iogurtes caseiros com aroma de morango
♠ bolachas de aveia com laranja e pepitas de chocolate | Vamos Fazer Bolachas!
♠ bolo de maçã e canela na caneca



Das estatísticas:
→ 255 publicações
→ 368 seguidores no blog! ♥
→ 79327 pageviews no blog
→ 1943 seguidores na página


♠ Convidem amigos para a página e, principalmente, para o blog! ♠


♠ Experimentem a nova ferramenta para convidar amigos na página de Facebook.

♠ Adiram ao blog e convidem os vossos amigos do Google+.

Já conhecem o grupo de Facebook: Receitas com Robots de Cozinha?


P.S.: Há passatempo a decorrer!



Siga-me aqui:   

terça-feira, 26 de novembro de 2013

dourada ao sal

Este é um pratos de uma extrema simplicidade e, contudo, é dos mais saudáveis. As douradas ficam bastante saborosas só com o sal mas podem ser aromatizadas com limão e/ou ervas aromáticas frescas (recheando-as) e secas por baixo da camada de sal que as cobre. É um mundo de possibilidades.
Ficaram deliciosas 'simples' e muito bem acompanhadas com brócolos e batatas cozidas ao vapor.


parceria | Drybits

É com grande satisfação que anuncio a parceria entre este blog e a Drybits Portugal.

A Drybits comercializa snacks saudáveis de fruta desidratada mas através de comércio justo.



A Drybits foi criada para pôr à disposição de todos um snack saudável para fazer face a uma procura cada vez maior de diferentes formas de comer fruta, essencial para o nosso organismo como fonte de nutrientes essenciais. 
A maioria dos nossos desidratados provêm de fabricantes com certificação de agricultura biológica e portanto sem utilização de qualquer fertilizante ou pesticida químico.
Valorizamos também os produtos originários do Fairtrade pois acreditamos na responsabilidade social e na retribuição justa ao produtor.
Estamos comprometidos com a saude e bem estar do ser humano e o nosso objetivo são os snacks saudáveis!





site: http://drybits.com/
Facebook: https://www.facebook.com/drybitsportugal
loja online: http://drybits.com/



Siga-me aqui: follow us in feedly

segunda-feira, 25 de novembro de 2013

batatas Hasselback com queijo e salpicão

Já tinha visto, no Pinterest, várias imagens destas batatas mas foi ao ver o post da Isabel no blog Brisa Marítima que me lembrei que deveriam ser deliciosas e que eu tinha mesmo que experimentar. Acabei por seguir mais ou menos a receita do blog Amando Cozinhar porque me apetecia algo que pudesse ser quase uma refeição completa, apesar de ser somente um acompanhamento. No entanto, as
O ideal para esta receita é ter batatas médias ou grandes com formato oblongo ou oval. Como compro as batatas na mercearia, as que tenho cá por casa são quase todas meias disformes e, por isso, um pouco mais complicadas de cortar.




Ingredientes:
batatas roxas q.b.
água q.b.
sal gourmet Loja do Sal q.b.
salpicão tradicional Casa da Prisca q.b.
pimenta Suldouro q.b.
manteiga Terra Nostra q.b.
queijo ralado q.b.
2 iogurtes naturais
ervas provençais Suldouro q.b.




Preparação:
Pré-aquecer o forno a 200º C.
Lavar bem as batatas e colocá-las numa panela com água e sal para cozerem durante alguns minutos tendo em atenção que se devem manter firmes para as poder cortar sem se desfazerem.
Polvilhar as batatas com pimenta.
Fazer vários cortes nas batatas e untar com manteiga. Entre os cortes colocar fatias de salpicão.
Polvilhar com queijo ralado e levar ao forno até o queijo derreter e as batatas estarem ligeiramente assadas - cerca de 20 minutos.
Preparar o molho, misturando os iogurtes com as ervas provençais. Reservar.
Servir as batatas com o molho.




tempo de preparação: 45min
dificuldade: **
vegetariano: não
para crianças: sim
ingrediente principal: batatas



What Are Hasselback Potatoes?
Hasselback potatoes are a type of potato dish, not a variety of potato, as is sometimes mistakenly believed. The name is derived from the restaurant where they were first introduced in the 1940s, Hasselbacken in Stockholm, Sweden which opened in that city in 1748 and where they are called hasselbackspotatis. Hasselback potatoes are a simple dish, and in their simplest form, are nothing more than whole potatoes cut in such a way as to resemble a fan or accordion when roasted. The outside of the potato becomes crisp and brown while the inside is soft and creamy.
Certain varieties of potato are better suited to this type of dish than others. Medium sized potatoes work best. Very small potatoes such as fingerling or new potatoes are not good candidates. Very large potatoes are also not well suited to the dish as the portion size is not appropriate for single servings. Ideally, one or two whole potatoes per person are desired. Potatoes with an oblong or oval shape are most often used, and a typical baking potato is perfectly fine for this dish.


Siga-me aqui:

domingo, 24 de novembro de 2013

bolachas de manteiga de amendoim e chocolate

Um dos desafios nos quais gosto de participar é o Vamos Fazer Bolachas! por me obrigar a sair da minha zona de conforto. Ainda estou a aprender a fazer bolachas e, por isso, dedico-me às que são simples de moldar porque a experiência com os cortadores de bolachas e o dispara-biscoitos não foram as melhores.
Nesta edição de Novembro do desafio, o mote são bolachas para oferecer, pensando já no Natal. Baseei-me na receita da Alexandra do BimbExpress, à qual acrescentei uma tablete de chocolate negro e usei mistura de açúcares.



sábado, 23 de novembro de 2013

panquecas integrais

Após uma semana cheia de afazeres que não me deixaram tempo para me dedicar a experiências na cozinha, chego a Sábado a pensar onde foi a semana que nem dei pelo tempo a passar. Os dias deviam ter, pelo menos, 30h para poder ter mais umas quantas horas por dia para mim. Entre as 8h de trabalho, mais quase 2h em transportes a caminho do trabalho e, claro, as horas de sono, resta sempre tão pouco tempo ao final do dia.
Aproveitei a manhã de Sábado para dormir as horas todas que não dormi durante a semana e ao acordar tarde apetece-me algo mais substancial para primeira refeição do dia. Ainda estive indecisa entre waffles e panquecas mas as panquecas ganharam devido à simplicidade de confecção. Na realidade, apetecia-me algo para poder provar o Doce de Leite da Casa da Prisca!
Baseei-me na receita de panquecas do Livro Base da Bimby e adicionei farinha de trigo integral para lhes dar um sabor mais interessante. Ainda estive para adicionar especiarias mas preferi algo com sabor bem simples para realçar o sabor do doce com que foram servidas.




Ingredientes:
100 g de farinha de trigo
70 g de farinha de trigo integral
½ c. chá de sal gourmet Loja do Sal
50 g de manteiga Terra Nostra
50 g de açúcar amarelo
200 g de leite Terra Nostra
2 ovos grandes
1 c. chá de fermento
óleo de girassol q.b.
doce de leite Casa da Prisca q.b.



Preparação Thermomix-Bimby:
Colocar todos os ingredientes no copo e programar 20 seg/ vel 6.
Numa frigideira anti-aderente pequena untada com óleo, deitar uma concha de massa de modo a cobrir o fundo com uma camada espessa.
Deixar em lume brando até formar bolhas. Virar e cozinhar um pouco mais do outro lado.
Servir com doce, compota, mel. natas ou que lhe apetecer.



tempo de preparação: 15min
dificuldade: *
vegetariano: sim
para crianças: sim
ingrediente principal: farinha


Não se esqueçam de espreitar o passatempo!


Siga-me aqui:

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

passatempo: giveaway | Loja do Sal

Porque este é o post 250 do blog e porque amanhã se celebra o 1º aniversário do blog, temos passatempo!
Este é o primeiro passatempo que faço com parceiros e é, por isso, ainda mais especial.

O prémio é um cabaz de produtos que espero ser do vosso agrado.



O cabaz contém:
  • flor de sal gourmet 500g 
  • sal gourmet 125g
  • queijo de sal gourmet
  • frasco branco com tinta de ardósia
  • colheres medida azuis

* O cabaz só será enviado para moradas em Portugal.


Para se habilitar basta:

1. Tornar-se seguidor, sempre que possível, dos blogs:
Telita na Cozinha: http://www.telitanacozinha.net/
Loja do Sal: http://www.lojadosal.blogspot.com/

2. Gostar das páginas de Facebook:
Telita na Cozinha: https://www.facebook.com/TelitaNaCozinha
Loja do Sal: https://www.facebook.com/pages/Loja-do-Sal-de-Rio-Maior/273453679341755

3. Partilhar publicamente a foto do passatempo no Facebook e deixar comentário tagando 3 amigos.

4. Preencher o formulário abaixo com os dados solicitados. (O email servirá, unicamente, para contactar o vencedor sendo opcional.).



Só poderão ser consideradas as participações que cumprirem todos os critérios. Caso contrário, a participação não será considerada válida e não entrará no sorteio. E, claro, será eliminada do ficheiro.

A validação do passatempo será feita verificando se a partilha da foto está visível (ou seja, se é pública), se o comentário na foto foi efectuado tagando 3 amigos e verificando a adesão a este blog e às páginas.
(Verifiquei que o blog da Loja do Sal não tem a caixa de seguidores. Assim, este critério pode ser ignorado. Contudo, quando um blog não tem caixa de seguidores basta adicioná-lo na lista de blogs do blogger.)


O passatempo irá decorrer entre 22 de Novembro e até às 23:59 do dia 07/12/2013.
O vencedor será divulgado a 08/12/2013.

Para obterem o link exacto da vossa partilha pública, carreguem nas horas da vossa partilha no Facebook.
Não é o link do vosso perfil de Facebook mas, sim, o link da vossa partilha pública do passatempo no Facebook.
Não irei validar as participações uma a uma, corrigindo os links. As participações que não cumprirem os critérios não serão contabilizadas.


A atribuição será feita por random.





Siga-me aqui:

quarta-feira, 20 de novembro de 2013

parceria | Loja do Sal

É com grande satisfação que anuncio a parceria entre este blog e a Loja do Sal ® das Salinas de Rio Maior.



A Loja do Sal é uma empresa familiar que aposta na produção artesanal de sal e oferece um produto 100% português.
O sal fonte salina é mais salgado que o sal marinho e, por isso, pode-se reduzir o consumo de sal ao utilizá-lo. A flor de sal tem propriedades nutrientes ímpares e é uma camada de cristais que se forma à superfície das salinas não passando por nenhum processo de industrialização.

A empresa LOJA DO SAL é uma empresa 100% familiar e com produtos de origem 100% Portuguesa. A história de quatro gerações reflete os valores e o respeito pelas tradições, com um espaço próprio há mais de 150 anos. A paixão pelas origens, o rigor, a competência aliado ao melhor da natureza, faz com o sal fonte salina gourmet e todos os derivados sejam uma perfeita harmonia de sabores e saberes.
  • As salinas Naturais de Rio Maior insere-se em plena área protegida do Parque Natural das Serras de Aire e Candeeiros, onde é produzido o único Sal Fonte Salina Gourmet do país;
  • A origem do Sal-gema remonta há 205 milhões de anos na zona de Rio Maior;
  • A origem da fonte salgada resulta dos lençóis freáticos em contacto com o sal-gema e com a aproximação à terra por zonas calcárias;
  • A presença Árabe tornou a exploração mais produtiva com a vinda de algumas técnicas, ainda hoje utilizadas como a pá e o rodo e ainda a presença das picotas junto do poço, na qual resulta um processo de recolha artesanal;
  • Os romanos teriam sido, eventualmente, os primeiros a explorar o sal, tal e qual como nos dias de hoje, a arquitectura das salinas é um ponto histórico de referência romana; 
  • O documento mais antigo data de 1777, Pero de Aragão e esposa Sancha Soares, venderam aos Templários a quinta parte do poço e salinas de Rio Maior; 
  • A percentagem de cloreto de sódio faz com que a utilização seja mais reduzida do que qualquer outro sal, no entanto, o seu sabor intenso, potencializa o sabor dos alimentos e a redução na dose diária do sal é um benefício para a saúde pública;
A qualidade da água muito mais salgada que a água do mar, o modo de produção artesanal, o processo de cristalização natural, o ambiente único e protegido, mais o sistema de qualidade alimentar faz do Sal Fonte Salina Gourmet Loja do Sal um sal de referência. O melhor ou dos melhores no mundo.
Podem ver aqui uma reportagem da SIC sobre a Loja do Sal.
→ REPORTAGEM: Irmãos querem apresentar salinas de Rio Maior ao mundo











O meu agradecimento aos irmãos Lopes pela simpatia e pelos produtos enviados.
Estou desejosa de incorporar os produtos em receitas para divulgar a qualidade dos mesmos.

Facebook: https://www.facebook.com/pages/Loja-do-Sal-de-Rio-Maior/273453679341755



Se nunca visitaram as Salinas de Rio Maior, recomendo a visita.






Siga-me aqui:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...